Dolo Eventual

David Afonso
[Porto]
Pedro Santos Cardoso
[Aveiro/Viseu]
José Raposo
[Lisboa]
Graça Bandola Cardoso
[Aveiro]


Se a realização de uma tempestade for por nós representada como consequência possí­vel dos nossos textos,
conformar-nos-emos com aquela realização.


odoloeventual@gmail.com


Para uma leitura facilitada, consulte o blogue Grandes Dramas Judiciários

Visite o nosso blogue metafísico: Sísifo e o trabalho sem esperança

O Dolo Eventual convida todos os seus leitores ao envio de fotografias de rotundas de todos os pontos do país, com referência, se possível, à sua localização (freguesia, concelho, distrito), autoria da foto e quaisquer dados adicionais para rotundas@gmail.com


Para uma leitura facilitada, consulte o blogue As Mais Belas Rotundas de Portugal


Powered by Blogger


Acompanhe diariamente o Dolo Eventual

quinta-feira, outubro 12, 2006

O valor da informação

Comments on "O valor da informação"

 

Anonymous h.horta said ... (outubro 12, 2006 10:27 da tarde) : 

No caso dos nova-iorquinos e até mesmo de todos o norte americanos, o 11 de Setembro será uma data e um acontecimento que perdurará durante muito tempo na sua memória colectiva.
Em tantas guerras que a América já se envolveu e em tantos anos que as mesmas duraram, foi a primeira vez que a população deste pais viu um bombardeamento de outra perspectiva.
A de quem está em baixo.

 

Blogger Antonio Almeida Felizes said ... (outubro 12, 2006 10:43 da tarde) : 

Informação?

"Vejo as fotos de "desastre" de ontem, em Nova York, e pergunto:
- onde é que está o avião?
Não se vê o aparelho em nenhuma das fotografias! Não há imagens, filmes, vídeo amadores, nada, isto na cidade mais filmada e fotografada do mundo...
Depois de todas as precauções pós-11 de Setembro não é verosímil que um bimotor andasse a passear a seu bel-prazer na mesma zona onde se deram os acontecimentos de 2001.
Será possível que um bimotor com vários metros de amplitude de asas se tenha volatilizado ao embater com um prédio de habitação?
Ou querem fazer-nos acreditar que o aparelho entrou pela janela da sala de jantar de alguém e, pura e simplesmente, desapareceu?
E porque é que as primeiras notícias garantiam que se tratava de um helicóptero?
Porque é que depois passou a ser um avião? Muito conveniente, não é?...

A Administração Bush tem muito para explicar também aqui."

(publicado no Blasfémias)

Cumprimentos,

O...Regionalização

 

Blogger migas (miguel araújo) said ... (outubro 12, 2006 11:55 da tarde) : 

Caro José Raposo
O mundo ficou menos seguro após o 11/09. Seja porque razão for, o terrorismo, a guerra, a morte, a violência tornou-se maior, mais presente e, eventualmente, mais medática também.
Mas é uam realidade.
Após aquela data hoje temos mais medo. Mesmo nas pequenas coisas do dia-a-dia. Não só em relação ao terrorismo mas a tudo. As pessoaos tornaram-se mais desconfiadas, mais reservadas, menos seguras e com muito mais descrédito.
Mesmo sem informação... mesmo sem casos que nos reavivem a memória.
Isto não está nada fácil.
E o mais grave é que anda muita gente a complicar ainda mais.
Cumprimentos

 

post a comment

Links to "O valor da informação"

Criar uma hiperligação