Dolo Eventual

David Afonso
[Porto]
Pedro Santos Cardoso
[Aveiro/Viseu]
José Raposo
[Lisboa]
Graça Bandola Cardoso
[Aveiro]


Se a realização de uma tempestade for por nós representada como consequência possí­vel dos nossos textos,
conformar-nos-emos com aquela realização.


odoloeventual@gmail.com


Para uma leitura facilitada, consulte o blogue Grandes Dramas Judiciários

Visite o nosso blogue metafísico: Sísifo e o trabalho sem esperança

O Dolo Eventual convida todos os seus leitores ao envio de fotografias de rotundas de todos os pontos do país, com referência, se possível, à sua localização (freguesia, concelho, distrito), autoria da foto e quaisquer dados adicionais para rotundas@gmail.com


Para uma leitura facilitada, consulte o blogue As Mais Belas Rotundas de Portugal


Powered by Blogger


Acompanhe diariamente o Dolo Eventual

domingo, janeiro 07, 2007

Ota, Tgv e o Luz do Sameiro

Comments on "Ota, Tgv e o Luz do Sameiro"

 

Anonymous Anónimo said ... (janeiro 08, 2007 5:41 da tarde) : 

«O exemplo encontrado para sustentar o argumento, encontrou-se no facto de haver motas de água, nos bombeiros da Nazaré, potencialmente salvadoras, não tendo as mesmas sido utilizadas, porque um bombeiro de serviço( certamente cumprindo regras escritas) entendeu que os bombeiros não foram chamados pela entidade oficial que se ocupa de naufrágios…»

http://grandelojadoqueijolimiano.blogspot.com/2007/01/j-no-h-heris.html

 

Blogger Claudia Gonçalves said ... (janeiro 08, 2007 10:39 da tarde) : 

A burocracia, sempre a burocracia!!
Antes de se actuar, aguardam-se ordens, directrizes, memorandos e sei mais lá o quê. A encruzilhada é tal que depois não é de admirar ser dificil apurar responsáveis.

 

post a comment

Links to "Ota, Tgv e o Luz do Sameiro"

Criar uma hiperligação